Prémios Ig-Nobel (IgNobel)

O Prémio IgNobel é uma sátira do prémio Nobel e é dado a cada Outono para a descoberta científica mais estranha do ano. Os prémios são entregues para honrar estudos e experiências que primeiro fazem as pessoas rir, e depois pensar.

Os prémios são entregues anualmente pela revista humorística de ciência “Annals of Improbable Reserach (AIR)”, em cerimónia na Universidade de Harvad, em Massachusetts.

Este ano (2007) os prémios foram assim distribuidos pelas diferentes categorias:

Medicina – Brian Witcombe de Gloucester e Dan Meyer de Antioch, Tennessee, pela sua importantíssima pesquisa no British Medical Journal sobre “Engolir facas e os seus efeitos secundários” – chegaram à brilhante conclusão que os engolidores de facas podem ficar com inflamação no esófago por engolir facas.

Fisica – Mahadevan de Harvard e Enrique Cerda Villablanca da Universidade de Santiago do Chile por terem pesquisado o processo como os lençóis se enrrugam e amarrotam…

Biologia – A holandesa Johanna van Bronswijk ganhou o prémio com mérito por ter feito um censo dos ácaros, aranhas, crustáceos, bactérias, algas e fungos que residem nas camas dos seres humanos. (aqui eu prefiro não conhecer o resultado :P)

Quimica – O Japonês Mayu Yamamoto do International Medical Centre ganhou nesta área por ter investigado um processo inédito de extrair essência e baunillha de excrementos de Vaca. (há coisas que eu preferia que se mantivessem na trevas do conhecimento… só de imaginar que posso a vir encontrar escrito nas embalagens a frase “pode conter vestígios de caca bovina” dá-me arrepios)

Linguística – Juant Manuel Toro, Josep Trobalon e Núria Sebastián-Gallés, da Universidade de Barcelona por mostrarem que os ratos não conseguem encontrar a diferneça entre pessoas que falam japonês ao contrário e pessoas que falam holandês ao contrário. (sem comentários!!!!)

Literatura – Foi a tribuido a Glenda Browne da Australia, pelo seu estudo sobre a palavra ‘O’ (‘the’ em inglês) e os problemas que causa á indexação.

Nutrição – Brian Wansink da Cornell University por investigar o apetite dos seres humanos que comem sopa dum prato sem fundo.

Economia – Ao tailandês Kuo Cheng Hsieh por patenta um aparelho que apanha os ladrões de banco atirando-lhes uma rede para cima. (este até me pareceu útil. . . devo estar a ficar parvo. . . o spiderman conseguia. . . :P)

Aviação – Patricia V Agostino, Santiago A Plano e Diego A Golombek da Argentina por demonstrar que o viagra ajuda a recuperar o jetlag nos hamsters. (muito útil, mesmo muito útil! – um tipo vai á farmácia a pedir viagra a dizer que é para o hamster que está enjoado…)

PREMIO DA PAZ – E aqui vai a cereja em cima do bolo!!
O prémio da paz foi atribuído ao laboratório da força aérea de Wright em Dayton, Ohio, pela pesquisa de uma BOMBA QUIMICA que transforme os soldados em gays e os ‘torne irresistíveis’ uns aos outros! (…fantástico!!! Simplesmente fantástico!!! Como é que em tantos anos de história nunca ninguém se tinha lembrado que os soldados se forem gays só vão para a guerra para o ‘engate’… pahhhh….. sem palavras….)

Você pode gostar...

Send this to friend